TUDO SOBRE FUNCIONAMENTO DA ENERGIA QUÂNTICA 


A SAÚDE É UM ESTADO DE EQUILÍBRIO

EMISSOR DE VIBRAÇÕES FREQUENCIAIS QUÂNTICAS

A física quântica nos diz: “a matéria é energia. A energia forma e cria a matéria.” O ser humano é energia condensada. Ou seja, quando melhoramos e fortalecemos esta energia podemos ver resultados positivos no físico (corpo). A MEDICINA QUÂNTICA é isso. É fundamentada em princípios científicos com mais de cem anos.

Você já sentiu alguma vez dores de cabeça ou dores pelo corpo todo depois de um dia muito
tenso? Já acordou gripado depois de “um dia de farra” ou excesso de trabalho? Provavelmente
isso aconteceu porque sua freqüência baixou. O que é isso?

Tudo no universo vibra, inclusive você. Essa vibração tem um padrão para tudo, incluindo as células do corpo humano. A isso chamamos de padrão vibracional. Já percebeu que podemos reconhecer as pessoas que conhecemos, mesmo sem vê-las, só pelo timbre da voz? É o padrão quântico vibracional da voz dela.

A doença sempre vem depois da existência de um desequilíbrio no padrão vibracional local. Primeiro a doença é biofísica e só depois é bioquímica. O corpo humano é como uma grande orquestra, onde cada instrumento tem uma afinação (freqüência definida) própria. Quando um só instrumento está desafinado toda a orquestra fica “feia”. Com o corpo humano acontece o mesmo. Os “instrumentos”(as células) que formam nossa “orquestra” precisam estar “afinados”, ou seja, vibrando na freqüência correta. 

Quando alguma coisa interfere nesta vibração nossa freqüência altera. Saímos da nossa ressonância vibracional, do nosso padrão quântico. Quando isso ocorre a “orquestra fica desafinada”. É o início das doenças. É muito fácil nos dias de hoje sairmos do nosso padrão quântico. Vivemos num mundo poluído de todas as formas.

Alguns fatores que podem afetar nossas frequências e causar doenças: – Torres de transmissão de energia elétrica; – Transformadores elétricos; – Torres de celulares; – Metais tóxicos provenientes dos agrotóxicos, aditivos dos alimentos industrializados e gases dos automóveis; – Uso regular de celulares e fornos microondas; – Computadores e lâmpadas elétricas; – Exposição a ruídos altos e por longo tempo; – Emoções negativas causadas por: morte de pessoas que amamos, decepção, desemprego, falência, medos, etc. 

Para efeitos práticos entenda o seguinte: vamos imaginar que um indivíduo saudável ressoa (vibra) numa faixa entre 62 e 68. Pessoas doentes vibram entre 20 e 61. Quando você contrai um simples resfriado, sua taxa vibratória desce para 58. Em presença de cândida (uma infecção sistêmica por fungos), a vibração é de 52; em caso de câncer, de 42. Uma vez iniciado o processo de morte, a freqüência baixa para 20. Pensamentos negativos podem baixar a frequência do corpo em apenas três segundos. 

Quando vibramos fora do nosso padrão começamos a ser “desmontados”. O ph do sangue fica alterado, os parasitas (vírus, bactérias, vermes e fungos) se desenvolvem rapidamente, os ossos enfraquecem, cansamos com facilidade, a insônia é freqüente, a libido cai e aparecem as dores musculares e articulares.

O uso regular do emissor de vibrações de freqüencias quânticas, reorganiza as vibrações do corpo todo (o ser humano fica em equilíbrio). Sua atuação direta se dá em nível muscular, sanguíneo, nervoso, ósseo e celular, agindo sobre todo o corpo.

Se conseguirmos colocar o corpo sob a ação de vibrações que ressonem numa freqüência saudável, conseguiremos “afinar a orquestra humana”. Isso faz o corpo vibrar na freqüência correta, de tal forma que, as dores desaparecem, as lesões ou feridas cicatrizam mais rápido e o mais importante, preserva o corpo saudável por muito mais tempo, prevenido muitas doenças.

O uso regular do emissor de vibrações quânticas contribui para: – Prevenir osteoporose; – Aliviar dores musculares e ósseas; – Acelerar a cicatrização de qualquer tipo de lesão (feridas, torção, etc); – Aliviar dores nas pernas; – Aliviar enxaquecas; – Melhorar a imunidade (contra gripes, infecções, etc); – Melhorar o sono; – Melhorar a energia física e mental. – Harmonizar todo o ser humano. Recomendação de uso: – Uma hora a oito horas por dia. – Em caso de osteoporose e lesões graves pode ser usado mais horas ao dia.

(Atenção)
A energia Quântica. Por gerar um campo eletromagnético de baixa frequência, uma contra indicação absoluta
apresenta-se aos portadores de marca-passo.
Apesar de não haver outras contra indicações, recomendamos que gestantes e recém-nascidos utilizem a manta quântica desligada. Demais pessoas poderão utilizar. De resto os experimentos de Cossariza 1989 e o relatório da OMS, pelo seu núcleo responsável por esses assuntos atestem a segurança desse método de abordagem.

Embora a energia Quântica possam trazer diversos benefícios para o organismo , é importante que ela não seja adotada deliberadamente em substituição de tratamentos em curso ou como único tratamento da saúde. Para tal, procure por aconselhamento de um médico ou profissional de saúde.